/ quarta-feira, 12 de julho de 2017 / No comments / , ,

Game of Thrones - 1ª parte | Séries

Esse post tem óbvios spoilers, mas é uma coletânea dos meus sentimentos assistindo a série mais cara e premiada que eu já me apaixonei. E esperei muito pra saber o futuro dela até que chegou a hora. Até porque...

Quando é que eu falei sobre Game of Thrones nesse blog?


Nunca, né?!
Eu sou dessas que fica muito obcecada com uma coisa, mas assim que passa o hype eu esqueço completamente. Aconteceu exatamente isso ano passado (de novo).  A sexta temporada de GoT saiu e eu não consegui mais ignorar por todo o fuzuê de reações sobre a Batalha dos Bastardos. E como eu também estava em hiatus da minha saga de livros favorita  (BDB, obviamente sobre o tanto de resenhas que tem neste blog) e ainda mais que consigo fazer uns paralelos legais entre as duas, eu acabei fazendo uma maratona de três temporadas seguidas. Aquelas que eu tinha me prometido assistir quando o seriado terminasse ou ao mínimo, já soubesse o final dos livros das Crônicas.
Mas entrei num hype tão grande com a sexta temporada que fiquei a louca das fanfics, pra largar elas no meio depois de postar alguns capítulos [Eu sou péssima. MUAHahaaha];
Mesmo com tudo isso, eu passei dessa fase faz um ano já e agora começou a corrida pra ser a mais pirada na vibe de novo. Passei um bom tempo da minha vida vendo os vídeos da Mikarol, já me considero uma conhecedora das maiorias dos spoilers/teorias, e depois de um tempo percebi que não tenho mais o que fazer além de sentar e esperar essa próxima temporada atrasada começar.
Ah, é mesmo, pensei comigo, eu posso fazer uma maratona e relembrar os detalhes!

Lá vou eu assistir os primeiros episódios que eu nem lembrava mais:

Primeira temporada:
Conhecer personagens, amar cada um deles de algum modo. Odiar Joffrey e sentir entojo da Sansa, ou vice versa. Duvidar da inteligencia do Ned até seu fim derradeiro. Não suportar aquele rei gordo nojento mas torcer desesperadamente que ele percebesse que os filhos não eram dele até o último minuto.
Gosto do jeito que as coisas começam no primeiro episódio, com as obras de arte feitas de zumbis, mas uma coisa é interessante de se pensar: Porque só agora? Qual é o estopim para os vagantes brancos resolverem acordar e marchar todos juntos para o sul? E o quanto que os corvos estavam longe da muralha? Parecia que eles estavam tão próximos de chegar na fronteira que o carinha que o Stark captura passou pouco tempo pra chegar à Winterfell. Parece que teria sido tão prático o exército chegar lá perto da muralha...
Mas tá. Conhecemos cada um dos personagens principais, as famílias, brasões e mais, uns que não fazemos a mínima ideia do que são capazes; até uns claros coadjuvantes que serão importantes bem mais na frente. Basicamente em Game of Thrones não tem meio termo, você tem fala -> você é importante pra história, ou vai morreu, ou vai ser importante e morrer do mesmo jeito.

Pontos que ficaram na memória:

- "As coisas que eu faço por amor". Jaime, seu filho da mãe.
- Varys e mindinho jogando shades um no outro... ZZzzzz.
- "Não quer acordar o dragão, quer?!" Viserys = rei do camarote
- Corvo, mostra algo interessante pro Bran se não ele nunca vai seguir você!
- "O lobo solitário morre, mas a alcateia sobrevive."
- As histórias dos antigos torneios, das guerras dos primeiros homens e da muralha, QUERO PREQUELS!
- A história dos Clagane me fez chorar, sou fã do cão até hoje.
- Ned, para de ser burro de dizer na cara da pessoa que pode ter mandado matar seu amigo que você sabe o mesmo que ele!

- Osha e Hodor, Bron e Tyrion e Jon e Sam, melhores ships <3
- Não, o Drogo não!!!

O negócio todo que eu comecei a ver GoT a partir do segundo ano da série era por conta do Drogo, e justamente porque ele apareceu numa postagem relacionada à Irmandade da Adaga Negra, e isso é que atiçou a minha curiosidade. Foda foi ver o personagem que eu estava lá pra assistir morrer numa morte ridícula daquelas. #StillMissDrogo. Queria muito que ele voltasse para fazer participações, ou que o sol nascesse no oeste e se pusesse no leste pra ele voltar à vida mesmo. Únicas partes que eu li dos livros foram as partes dele e só.


E aí, vamos voltar com o Drogo nessas última temporadas?!


Segunda temporada
Minha nossa, quase não acontece nada de interessante e parece que a história não anda. Muitos coadjuvantes morrendo sem muito drama.  Ponto alto foi apenas a gravidez estranha da Melissandre, conhecemos a Ygritte mas como não sabemos a importância dela apenas esperamos ela morrer... Alguns pontos interessantes que só vem a ser importantes depois das próximas temporadas como a presença dos Bolton, o romance do Robb (um saco por sinal) e Theon sendo um Greyjoy (leia-se fdo); lembro que na época do lançamento não entendia nada porque esses personagens tinham importância na história. E pior ainda, os dois pontos baixos por conta da inutilidade. Daenerys loucona na casa dos imortais são coisas que não fizeram as coisas andarem e a necessidade de sempre mostrar a Sansa sendo insossa sonsa e tendo sua defloração ameaçada (e que vai se repetir milhões de vezes no núcleo dela; real, única coisa em que se resume o personagem dela é o danado do hímen).
E eu até gosto do cenário da Arya (a cena fofinha de um cara que não sorri, Twyn Lannister, sorrindo por ela sem sabe que ela a Stark) e as ruínas de Harrenhal, e pena que não deram mais enfoque no cenário das torres que devia ser fantástico; mas ela também tem coisas muito mais pontuais que só vai se concretizar no futuro Arya como o Jaqen (e esse nome só me lembra o sapinho verde de InuYasha). Aí no fim tem a redenção da temporada chamada Batalha da Água Negra. E só. Ver o Tyrion liderando exército, Sandor Clegane, o cão, mandando o "Foda-se o rei!" na cara do Joffrey, e ainda ele indo tentar convencer a Sansa a fugir com ele... Ow. Lembro que na época que eu vi essa temporada a primeira vez eu shippei muito eles dois, até lembra a idade da Sansa dos livros, daí eu senti remorso.

- Tyrion, melhor mão do rei, e a primeira e última vez que ele teve como provar como o melhor jogador da casa.
- E sim, batalha de Black Water foi a melhor coisa em muito tempo (até a sexta temporada).
- "Foda-se a cidade, foda-se o rei." Clagane, Sandor
- Twin e as histórias da Arya sobre a rainha Targeryan, Visenya <3
- Conhecemos os fins dos bromance do Sam com o Jon, respectivamente com Gilly e Ygritte
- Os selvagens = melhores ruivos
- Drogo nas visões da Dany na casa dos imortais. Droooogoooo :'(
- Clagane sendo Clagane, Sansa sendo sonsa, Joffrey sendo Joffrey

- Alas. A cena da Daisy apanhando me deixou muito confusa, eu não entendi se a Ros enfiou o cetro nela ou "só bateu". Mas deu pesadelos aquilo.
- Arya sendo inútil (depois o Gendry dizendo pra ela e sendo a voz de todos de que ela poderia ter terminado a guerra...)
- Gendry, gato!


Mas... Valar Morghulis

Terceira temporada
Parecia que essa ia ser só pra me fazer sofrer.
Os primeiros capítulos tem muita coisa estranha, e cruel de um jeito que nem eu aguentei (e olha que eu acompanho Killing Stalking). O bastardo Bolton sendo horrível numas cenas que eu ainda não entendi; aquela dele mandando o Theon fugir, depois matar os caras que tinham prendido ele, pra depois fazer ele voltar (Por que, pra quê isso?!). Brienne quase sendo estuprada, Jaime perdendo a mão, e mesmo sem gostar dele antes disso, ainda é muito agoniante. Os sofrimentos dos escravos, e únicos negros da série além daquele mentiroso da segunda temporada, antes deles serem da Daenerys... E ela bancando a princesa Isabel lá (cofcofoportunistacofcof). É uma coisa racista ou sádica, escolha. É muita torturante/entediante essa primeira parte. Apesar de Missandei que é uma das melhores personagens. Junto com Briennão e Ollena. Siiim, melhores personagens femininas!
E muita loucura porque eu não entendia porque o Robb começou a perder aliados, porque danado ele tinha casado ou porque ele não deixava a mãe dele em algum lugar seguro pra ela não fazer mais nenhuma merda. Tipo voltar pra Winterfell e tentar achar os filhos... dãã.
Não entendi porque a Gilly é significante, na hora, e nem depois mesmo tendo terminado quatro temporadas dessa menina sendo nada mais do que a única inútil a sobreviver tanto tempo em Game of Thrones, junto com o Sam.
Ollena é a melhor coisa que tem pra se ver, além da história do shade do Twyn na Cersei e a história do Varys é até legalzinha. E deu muito medo. Muito mesmo! O que foi que ele fez com aquele feiticeiro na caixa, velho? E o que foi aquilo com a Ros?! Coitada. Gostava muito dela.

- Ollena, melhor personagem da série, dando shade em todo mundo. Mas perdendo pro Twyin
- Twyin sacaneando a Cersei, depois dela sacanear o Tyrion (não por isso, but oh, the shade of it all)
- Tyrion no lugar de Mindinho e com mãos atadas como mestre da moeda e Shay com raivinha Zzzzz
- Casamento da Sansa com Tyrion e a história da música dos Lannisters
- Brienne e Jaime <3

- Sam x Caminhante branco (fiquei com pena, eu gostava da cara daquele, parecia um papai Noel da fome)
- Jorah e a cara de soldado ferido com a Dany e o Dario Naharis
- Arya e o Cão (amor e ódio)
- Davos, Gendry e o barquinho (a navegar... no macio azul do mar, tudo é verão o amor se faz, num barquinho pelo mar)
- CASAMENTO VERMELHO e toda a relação entre The Rains of Castemere


Mas aí chega a quarta temporada e... eu sempre desanimo. Aconteceu antes e aconteceu agora. Quarta temporada é o meu limbo de GoT. Não gostei na época de ter que conhecer o pessoal de Dorne que me pareceu insignificante, principalmente depois da morte do Oberyn que foi mais do que hypada na época e a que total me desanimou. Tem tempos que eu não estou bem pra aguentar violência gratuita, e saber da morte dos Targeryan e da prinicesa dornesa me deixaram puta da vida. Depois de uma temporada como a terceira, achei melhor me resguardar. Aí eu parei e só ano passado mesmo pra recomeçar desse ponto.

Mas calma, até o final de semana e a volta deles eu termino a segunda parte da maratona, com a graça de Deus termino as fanfics e vou ficar com a mente tranquila pra só surtar de novo quando surgirem as teorias para o ano que vem!
Share This Post :
Tags : , ,

Seguidores

listas de listas

Instagram

Twitter

Facebook

Postagem em destaque

Game of Thrones - 1ª parte | Séries